Escola Amigos do Verde colhe frutos no bairro Petrópolis

A nova unidade é voltada para a educação infantil, atendendo crianças a partir dos quatro meses aos seis anos

A semeadura deu certo e no início de 2018, a Escola Amigos do Verde vai inaugurar uma nova unidade em Porto Alegre. Localizada na avenida Cel. Lucas de Oliveira, 2.609, no bairro Petrópolis, a sede está totalmente integrada à proposta pedagógica que caracteriza a instituição desde a sua criação, em 1984: uma educação integral, aliada a questões ecológicas, alimentação naturalista e valores éticos. O espaço, voltado para a Educação Infantil, tem como diferencial o atendimento de crianças a partir de quatro meses. A diretora é Luna Behrends e a coordenadora pedagógica, Laura Méliga.

Assim como a unidade do bairro Higienópolis, a sede do Petrópolis possui um bosque de árvores frutíferas e plantas nativas, em 265 metros quadrados de área verde. Para dar ainda mais identidade ao espaço, a Escola fechou parceria com o escritório de arquitetura Maena Design Conecta, que tem entre as sócias a arquiteta Michele Raimann, mãe de aluna do grupo 1.

Desenvolvido a muitas mãos, o projeto busca contemplar uma das principais características da Amigos do Verde, que é o uso do espaço externo de maneira flexível e coletiva. “Nossa participação como escritório de arquitetura é construir espaços que levem adiante as auras livre, verde e orgânica da Escola”, disse Michele. Por isso, além das árvores frutíferas, a nova unidade terá horta, composteira e laguinho. O laranja e o verde, cores institucionais da Amigos do Verde, comandam a paleta de cores do projeto arquitetônico e para acentuar, ainda mais, a proposta ligada a ecologia, os tons se desdobram em matizes encontradas da natureza.

Informações sobre matrículas através do e-mail petropolis@amigosdoverde.com. br ou do telefone 3337 7630.

Anúncios

“Roda-ação”: mais um ponto para a educação integral da Amigos do Verde

A ética nas relações humanas e o espírito democrático são características presentes no dia a dia da Amigos do Verde. A “Roda-ção”, assembleia entre alunos do Ensino Fundamental e Coordenação, veio para acrescentar às ações voltadas para a educação integral oferecida pela Escola. Iniciativa inovadora, realizada em instituições referências, como a paulistana Escola da Vila, o encontro pretende, uma vez por mês, abrir espaço para a discussão de questões relacionadas à Escola. “Gostei porque a gente pode se expressar e falar o que quer melhorar”, falou Arthur Fernandes Litzke, do 4º ano.

Baseada nos princípios da democracia, a “Roda-ação” tem sua pauta elaborada ao longo do mês em sala de aula e no início de cada edição o grupo seleciona as prioridades. Para que todos tenham a possibilidade de experimentar a tarefa de representação, os representantes de cada turma, assim como os da Coordenação, são escolhidos de maneira rotativa.

Com a intenção de alcançar um dos principais objetivos das assembleias em espaços educativos, que é o de construir valores fundamentados no respeito e no diálogo, a primeira edição, em agosto, foi focada em estabelecer o código de comunicação do evento. “São sinais que indicam quem está de acordo e quem não está, inscrições de fala e assunto já debatido”, explica a diretora Luna Carneiro Behrends.