Escola Amigos do Verde visita exposição de Karin Lambrecht no Santander

Alunos do Ensino Fundamental da Escola Amigos do Verde visitaram na sexta-feira, 7 de abril, a exposição da pintora, desenhista, gravadora e escultora Karin Lambrecht, mãe de Yole Lambrecht, aluna da Escola desde a Educação Infantil até a conclusão da primeira etapa do EF, em 1992. Na aula-passeio, o grupo de 50 alunos teve a oportunidade de conhecer a mostra “Nem Eu, nem Tu: Nós – A Obra de Karin Lambrecht e o Olhar do Colecionador”, composta por pinturas abstratas, instalações, desenhos e documentos da trajetória de uma das mais destacadas artistas plásticas da “Geração 80”.
Nas suas pinturas, feitas à mão, Karin utiliza elementos da natureza como recurso técnico e expressa o debate entre vida animal e civilização.

Parede de escalada da Escola vai além do exercício físico

Coordenação motora, concentração e raciocínio são habilidades essenciais para todo o ser humano, especialmente para as crianças que estão iniciando na vida escolar. A nova parede de escalada, instalada em janeiro ao lado da quadra poliesportiva da Escola Amigos do Verde, além de ser um exercício, trabalha com a integralidade do ser humano, envolvendo questões relacionadas com os desenvolvimentos físico, emocional e intelectual. “A escalada é uma atividade completa, porque compreende a coordenação motora, a respiração, o pensar e a concentração”, afirma a professora do 1º ano Fernanda Nascimento.

Parceria da Escola com os pais Betina Carminatti e Tiago Santos, presidente da Federação Gaúcha de Montanhismo, a novidade vem provocando aprendizado e diversão para todos, inclusive para professores e equipe diretiva. “Vibramos com a escalada dos colegas e eles vibram com a nossa. A formulação de estratégias para saber onde colocar o pé e/ou a mão também se torna divertido”, ressalta a coordenadora pedagógica Taís Ribeiro Brasil Russo.

Desafio, superação de limites, autocontrole e responsabilidade com o outro são alguns pontos trabalhados com o apoio da iniciativa que, aos poucos, começa a ser praticada pelos alunos do Ensino Fundamental. Gabriel Kerbs Vargas da Silva, do 2º ano, imagina o dia em que ele vai conseguir chegar no topo da parede. “Vai ser legal chegar lá em cima e ver todo o Espaço Cultural”, diz faceiro. Aos que estão com receio de se aventurar na escalada, Joana Carminatti da Silveira Santos, do 3º ano, filha de Betina e Tiago, dá a dica: “Primeiro observa alguém escalando e, quando chegar a tua vez, vai com calma, porque sempre vai ter uma pessoa para te ajudar”, garante.

A parede de escalada reforça uma das principais características do projeto pedagógico da Escola Amigos do Verde: a de trabalhar em conjunto os desenvolvimentos físico, emocional e intelectual.